Entidades contestam coleta mecanizada no Cambuí

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

À partir da próxima  terça-feira, dia 12 de agosto, o  bairro  Cambuí, em Campinas,  começa a  receber o sistema  mecanizado  de  coleta de  lixo domiciliar. De acordo  com  os dados da  Secretaria de Serviços Públicos, serão instalados gradativamente cerca de mil contêineres, o que dá  uma  média de  quatro  a seis unidades  por  quadra. Cada um deles tem capacidade  para armazenar mil  litros. Os  equipamentos , segundo a  secretaria,  são hermeticamente  fechados   com tampas. Na  hora da coleta, o  contêiner  é  acoplado  a um equipamento do caminhão coletor e o lixo levado para o aterro sanitário.

O modelo  é semelhando ao já  adotado no distrito de  Barão Geraldo. A princípio o  modelo  é  bem simples, porém a  novidade não agrada os  moradores, comerciantes e entidades de classes da  sociedade  civil organizada.  O Presidente do  Sindicato  dos Trabalhadores  dos Restaurantes , Bares e Similares de Campinas ,   Orides  Rodrigues,   questiona  como  será  a  feita a  administração e  logística  dos   equipamentos.

Já o  Presidente da  Sociedade  Civil  dos  Amigos do  Bairro Cambuí,  José Renato Fernandes, explicou  que  não é contrário as  novidades , porém, em sua  opinião , a questão deve  ser  debatida   com a  comunidade  envolvida. As dúvidas  e perguntas   da  comunidade  sobre  a implantação da   coleta  mecanizada  do  lixo ,poderão ser sanadas  na  audiência pública programada para  ocorrer  na tarde desta  sexta-feira.

A  audiência também  é  questionada  pelos entrevistados, pois,  na  opinião  deles,  a questão deveria  ter  sido  trabalhada  com mais  antecedência  e  não  nas vésperas  da  implantação  do  sistema.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também