Prefeito de Hortolândia reduz o número de secretarias municipais

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O projeto de lei apresentado pelo prefeito de Hortolândia, Ângelo Perugini, que reduz o número de secretarias municipais foi aprovado pelo legislativo em sessão realizada na Câmara. Nesta terça-feira, um dia após a aprovação, o prefeito anunciou o corte de três secretarias. Com isso o número de secretárias  municipais caiu de 18 para 15. Segundo a Administração Pública, essa redução deve trazer uma economia de mais de R$ 1 milhão ao ano. A nova lei, unificou as secretarias de Cultura e Esporte, as secretarias de Obras e Serviços Urbanos e as secretarias de Administração e Gestão de Pessoas. Já a Secretaria de Chefia de Gabinete foi extinta e transformada em um departamento dentro da Secretaria de Governo. Foram criadas também a Secretaria de Mobilidade Urbana e a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica. Ainda dentro desse reformulação, a estrutura administrativa também recebe novos departamentos, como o Departamento de Ciência e Tecnologia, ligado a Secretaria de Educação, Departamento de Proteção e Bem Estar Animal que pertence a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e o Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para Mulheres que está ligado a Secretaria de Governo.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também