Para salvar acervo raro, CCLA quer doar obras para a Unicamp

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Para tentar salvar um precioso acervo adquirido desde 1901, o Centro de Ciências, Letras e Artes, de Campinas quer  doar  mais de 140 mil livros para a Unicamp.

Os livros compõem a Biblioteca Cesar Bierrenbach, que foi um dos  fundadores da entidade.

Entre as obras que compõem o acervo, há  livros datados no ano de 1500 e coleções de jornais e revistas de Campinas do século 19.

Sem recursos para restaurar as preciosidades, a saída encontrada é  transferir todo material para a universidade.

A Unicamp ainda não decidiu se irá ficar com o acervo, mas nomeou, através de uma portaria, um grupo para fazer um inventário.

Os trabalhos, coordenados pelo pesquisador do Centro de Memória da universidade, Fernando Abrahão, começam nesta quarta-feira.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também