Bancos temem calote bilionário do Aeroporto de Viracopos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Segundo reportagem do jornal O Estado de São Paulo, os bancos que financiaram a expansão do aeroporto de Viracopos temem um prejuízo superior a R$ 2,5 bilhões. Levantamento feito pelo Estadão/Broadcast mostra que, em março, o consórcio do aeroporto de Campinas, formado pelas empresas  UTC, Triunfo, Egis e Infraero, devia R$ 1,68 bilhão BNDS. Além desse montante devido ao banco de fomento por meio de empréstimos diretos , o consórcio deve mais R$476 milhões em títulos de dívida, as chamadas debêntures. Ao todo, são R$ 2,16 bilhões devidos ao banco. Outras instituições bancárias como Itaú, Bradesco e Banco do Brasil somam R$ 423 milhões a receber. Atualmente, os débitos financeiros estão sendo pagos em dia e o aeroporto informa em nota que “não existe previsão de interrupção”. Porém, para os credores, geram especial preocupação as indefinições sobre quais pagamentos serão priorizados, ou como a concessionária será indenizada pelos investimentos já realizados.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também