Preço médio dos imóveis sobe em Campinas, Americana e Paulínia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O preço médio dos imóveis subiu em três cidades da Região Metropolitana no mês de novembro. O valor do metro quadrado ficou acima do índice nacional de –1,46% em Campinas, Paulínia e Americana.

O presidente da Habicamp, que representa as empresas de construção, Francisco de Oliveira Lima, é otimista. Para ele, o resultado é animador para 2018 depois de muito tempo com expectativa baixa devido à crise.

A liderança ficou com Americana, com 0,59%, atingindo R$ 3.755, ainda abaixo dos R$ 4.105 de 2016. Em Campinas, o valor registrou elevação de 0,33%, atingindo R$ 5.209, contra R$ 4.938 do ano passado. Já em Paulínia, o acréscimo foi de 0,28%, com o metro quadrado a R$ 4.269. Um ano atrás, estava em R$ 4.116.

E o presidente da Habicamp explica que os três municípios historicamente costumam ter bons números. Indaiatuba, Valinhos e Vinhedo também estão no levantamento, mas não registraram alta. A pesquisa é do Hiperdados, software de gestão para incorporadoras, construtoras, imobiliárias e fundos.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também