Ministério Público investiga possível existência de funcionários fantasmas no Hospital Ouro Verde

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O Ministério Público investiga a existência de funcionários fantasmas no Hospital Municipal Ouro Verde. O alvo da investigação é o período em que o complexo hospitalar foi administrado pela Organização Social Vitale. De acordo com o promotor de Patrimônio Público, Angelo de Carvalhaes, há indícios de que pelo menos uma pessoa constava na lista de pagamentos, embora não trabalhasse no hospital.A defesa da Vitale informou que  prefere não se manifestar sobre o assunto, uma vez que, trata-se de uma investigação sem indicação de provas. A Vitale é alvo de apurações sobre supostos desvios de R$ 4,5 milhões do Ouro Verde. As apurações, na área civil, são compartilhadas com o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, o Gaeco, à frente da área criminal.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também