Variação de limites de velocidade gera reclamação em Campinas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Os motoristas de Campinas questionam as ruas e avenidas com diferentes limites de velocidade. Em alguns casos, a variação é de 40 km/h a 70 km/h. A situação acontece em lugares distantes do centro, como na Avenida Isaura Roque Quércia, no distrito de Sousas, mas também nas vias principais.

Um dos trajetos mais importantes de entrada e saída do município, a Avenida Lix da Cunha é um dos exemplos, com restrições de 60 km/h e 70 km/h. Outra ligação que possui radares vistos como “armadilhas” é o Túnel Joá Penteado. O limite é 40 km/h e faz Jonathan Souza redobrar a atenção.

Mas não só os radares com limites diferentes são criticados. Os posicionamentos dos equipamentos eletrônicos também são questionados pelos condutores. Em ruas retas e com descidas, perto de escolas, locais de grande circulação e cruzamentos, Roberto Silva defende a fiscalização, mas pede por sinalização.

O assunto motivou dois requerimentos feitos pelo vereador Luiz Henrique Cirillo, do PSDB, que quer saber os critérios para os radares e os limites. Um dos pedidos é sobre o estudo técnico para a instalação dos dispositivos. O outro quer saber as justificativas para diferentes velocidades na mesma via.

Os documentos citam ruas e avenidas como exemplos. São os casos da John Boyd Dunlop, Doutor Heitor Penteado, José Amgarten e José de Souza Campos. O secretário de Transportes e presidente da Emdec, Carlos José Barreiro, tem o prazo regimental de 15 dias, prorrogável pelo mesmo período, para responder.

A Empresa de Desenvolvimento de Campinas foi procurada para comentar os questionamentos, mas não enviou resposta até o fechamento da reportagem.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também