Espetáculo que mistura diferentes formas de linguagens artísticas faz suas últimas apresentações, em Campinas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
FOTO PEDRO AMATUZZI

O espetáculo “gensSELVAgens – A Fabulosa Viagem da Trupe Trapo” será apresentado nesta quinta-feira, 14/02, no espaço cultural da Vila União Maloca Arte e Cultura e nos dias 15/02 e 16/02 no Centro Cultural Casarão, em Barão Geraldo. As sessões ocorrem sempre às 20h e têm entrada de  graça.

No palco, a poesia de Lou Reed e seus personagens outsiders, o universo da Factory de Andy Warhol, numa mistura de diferentes linguagens artísticas e performances, com Dança, Teatro, Super 8, Artes Plásticas, Poesia e Música.

A Trupe Trapo Cia Artística é formada por: André Prada (intervenções poéticas), Ava Soani (atriz e dançarina), Cecília Gomes (atriz, dançarina e dramaturga), Fábio de Bittencourt (artista plástico e cenógrafo), Julio Lemos (iluminação e cenotécnica), Lucas Vega (Super 8), Maurício Simionato (efeitos sonoros na guitarra). A direção é de Lika Rosá, os figurinos de Warner Júnior, cenografia de Fábio de Bittencourt e adereços de Ronan Gonçalves e produção de Mia Moraes.

O projeto foi contemplado pelo FICC – Fundo de Investimentos Culturais de Campinas.
As apresentações acontecem às 20 horas.

A Maloca Arte e Cultura, fica na Rua Maria Pink Luís, 99-171, na Vila União e o Centro Cultural Casarão, na Rua Maria Ribeiro Sampaio Reginato, S/N, em Barão Geraldo.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Lô Borges faz show virtual nesta quarta-feira

Na apresentação on-line, o músico mineiro passeia pelos seus grandes sucessos, como  “Clube da Esquina n. 2”, “Paisagem da Janela”, “O Trem Azul”, “Tudo que Você Podia Ser”, “Para Lennon e McCartney”, além de canções mais recentes.

A reinvenção de João Donato

Nascido em 1934 em Rio Branco no Acre João Donato de Oliveira Neto é hoje um nome muito requisitado em estúdio além de apresentações ao vivo. Muito diferente do João Donato de 50 anos atrás que  teve um inicio de carreira produtivo mas que aos  poucos foi sendo colocado de lado em função do exagero nas improvisações.