Prefeito de Amparo diz que não vai embargar futura obra da barragem no Rio Camanducaia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
19/08/2015 - CIDADES - Representação artística mostra como será a barragem de Pedreira, no Rio Jaguari FOTO : Reprodução

As obras da Barragem Duas Pontes, no Rio Camanducaia, em Amparo, não serão embargadas. A afirmação é do prefeito da cidade Luiz Jacob, do PSDB.

Segundo ele, a obra ainda não começou, pois aguarda a licença emitida pela ANA – Agencia Nacional de Água e consequentemente a licença ambiental da Cetesb. Porém, segundo o prefeito, assim que as licenças forem liberadas as obras serão iniciadas. O chefe do executivo explicou que acompanha o desenvolvimento do projeto do governo do estado desde o começou e a justificativa de garantir a segurança hídrica para uma população estimada em cinco milhões de habitantes da região o convenceu.  Além, disso a construção a barragem vai movimentar a economia local. A construção da barragem é motivo de muita polemica na cidade, tanto que a Câmara de Vereadores já se posicionou contraria e aprovou por unanimidade um requerimento pedindo o embargo do projeto. O prefeito Luiz Jacob, diz que respeita a opinião dos vereadores, mas, se depender dele não haverá embargo.

De acordo com o vereador Gilberto Piassa Filho, do PTB, um dos autores do requerimento, que pede o embargo da barragem em Amparo, com a negativa do prefeito o pedido será encaminhado ao Ministério Público.

Um dos questionamentos da Câmara de Vereadores da Amparo para pedir o embargo da represa no Rio Camanducaia, diz respeito a segurança dos moradores , pois , segundo os parlamentares a construção segue os moldes da barragem de Sobradinho , responsável pela recente tragédia em Minas Gerais.

O prefeito de Amparo rebate e diz que a barragem de rejeitos de mineiro é completamente diferente da de reserva de água. Ele acrescenta que um dos princípios para a construção da barragem, em Amparo e Pedreira é garantir a segurança e a segurança hídrica  da população.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também