Justiça defere candidatura de Du Cazellato para eleição suplementar em Paulínia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Du Cazelato assumiu a prefeitura de Paulínia (Foto: Divulgação/Prefeitura de Paulínia)

A Justiça Eleitoral deferiu a candidatura de Du Cazellato da Coligação “Paulínia com Atitude” para a eleição suplementar que vai acontecer no próximo dia 1º de setembro. Ele é o último candidato a ter o pedido aceito pela justiça. Com isso, os paulinenses terão nove possibilidades de escolha no dia da eleição.

No despacho, a juíza eleitoral Marta Brandão Pistelli disse entender que a escolha dos candidatos a Prefeito e Vice-Prefeito se deu em regular convenção partidária, inexistindo razão para o indeferimento da candidatura.

As candidaturas de Du Cazellato – prefeito e Paulo Camargo Junior (“Sargento Camargo” ) – como vice-prefeito estavam suspensas devido a um pedido do PSL, partido do candidato Capitão Cambuí, sob o fundamento de que o candidato da coligação impugnada foi escolhido em convenção fraudada, não oficial.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Bandidos furtam lojas no Campinas Shopping

Bandidos invadiram na madrugada desta segunda-feira lojas no Campinas Shopping. De acordo com as informações, pelo menos oito estabelecimentos comerciais tiveram objetos furtados e dinheiro