Sem cadeira de rodas disponível, paciente é carregada no colo no Hospital Ouro Verde

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Divulgação/PMC

Uma paciente idosa precisou ser carregada pelo neto na manhã desta quarta-feira, no Hospital Ouro Verde, em Campinas.

De acordo com a família, a mulher passaria por um exame ortopédico. Ela apresenta dificuldades de locomoção e não havia cadeira de rodas disponível naquele momento.

Em julho deste ano aconteceu um caso semelhante na unidade: uma mulher utilizou um carrinho de carga para transportar o marido. Na ocasião, o Hospital Ouro Verde negou a falta de cadeiras de rodas e garantiu que a situação seria apurada.

A Rede Mário Gatti informou que as duas cadeiras de rodas existentes no local estavam em uso no momento em que a idosa chegou.

A Prefeitura de Campinas afirmou que a família da idosa não quis esperar que as cadeiras ficassem disponíveis e optou por carregar a paciente.

De acordo com a administração municipal, foi feito um pedido para compra de mais cadeiras para a Rede Mário Gatti e está em andamento, mas ainda sem previsão de aquisição do equipamento. 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também