Morte do prefeito Toninho completa 18 anos sem solução

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Nesta terça-feira, 10 de setembro, completou-se 18 anos do assassinato do prefeito de Campinas Antônio da Costa Santos, o Toninho. 

 

O Chefe do Executivo foi morto em 2001, nesta data, na Avenida Mackenzie, próximo ao Shopping Iguatemi Campinas. 

Naquela noite, Toninho saiu da prefeitura e foi até o Shopping pouco antes das 22h. Momentos depois, foi baleado e morreu. 

Segundo a investigação da Polícia Civil, ele teria sido morto por atrapalhar a passagem de um carro com criminosos em fuga pela Avenida Mackenzie. 

O traficante e sequestrador Andinho chegou a ser acusado pelo crime, mas a Justiça acreditou que não havia indícios e determinou que as investigações fossem retomadas, em 2011. 

Neste domingo será realizada uma missa na Igreja Nossa Senhora Aparecida, Às 19h. O endereço é Rua Arlindo Joaquim de Lemos, 1110, no Jardim Proença, em Campinas.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também