Usuário frequente terá desconto em novos pedágios

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Pedágio de Jaguariúna (Imagem: Google Street View)

Motoristas que passam com frequência pelas três novas praças de pedágio que serão instaladas na região de Piracicaba terão desconto de até 87.7%. A informação foi confirmada pela Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp). 

O desconto é gradativo: quanto mais vezes o motorista passar pelo ponto de cobrança no período de 30 dias, maior a redução. O sistema é chamado de “desconto progressivo para usuário frequente”. 

As praças ficarão em trechos entre as cidades de Piracicaba e Panorama, nos 1.273 km de rodovias leiloados pelo governo do estado no último dia 8. 

O valor da tarifa previsto para a Rodovia Hermínio Petrin, por exemplo, está estipulado em R$ 5,02. Porém, que utilizar o pagamento eletrônico vai desembolsar R$ 4,77 na primeira passagem, R$ 4,52 na segunda, R$ 4,27 na terceira, e assim por diante. Na 10ª passagem pela cabine, o pedágio custará R$ 2,90. A tarifa pode chegar a custar R$ 0,96 na 30ª vez que o motorista passar pelo local.

Na praça da SP-304, entre Piracicaba e Águas de São Pedro, o valor integral é R$ 5,64. O desconto será de 5% no pagamento eletrônico, e assim a primeira passagem custa R$ 5,36. Na décima passagem pelo local, o valor cai para R$ 3,91, chegando a custar R$ 1,95 na 30ª vez. 

A tarifa praticada na praça da SP-304, entre Águas de São Pedro e Santa Maria, será de R$ 5,84. Com o desconto, aqueles que utilizarem o pagamento eletrônico, vão pagar R$ 5,55. A 10ª passagem custará R$ 2,95, e na 30ª, passa a custar R$ 0,72. 

Nas três praças, as motocicletas vão pagar metade da tarifa cheia. 

Segundo a Artesp, ainda não há previsão de início da cobrança de pedágio. Antes da cobrança começar a ser feita, a concessionária terá a obrigação contratual de cumprir integralmente as obras previstas no Programa Intensivo Inicial. As intervenções devem durar um ano, a partir do início da operação. 

No último dia 15, moradores dos bairros Santana e Santa Olímpia, em Piracicaba, protestaram contra a instalação de uma praça de pedágio no km 180 da Rodovia Hermínio Petrin. O grupo teme que o bairro se torne rota de fuga do pedágio, já que dá acesso a uma estrada de terra por onde seria possível desviar da praça de cobrança. 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES
Play Video

Ao vivo

CBN Campinas

99,1 FM

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também