Prefeitura simula embarque e desembarque do BRT

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Danilo Braga

Um simulado no corredor Campo Grande do BRT apresentou como vai funcionar o sistema de transporte coletivo de Campinas. A Estação BRT Florence, na Avenida John Boyd Dunlop, no Jardim Florence I, foi a escolhida por estar em fase final de acabamento e ser modelo para as outras 36 estações dos corredores Ouro Verde e Campo Grande. O sistema funciona com seis portas automáticas, que abrem e fecham em sincronia com as portas dos ônibus. O secretário de Transportes e presidente da Emdec, Carlos José Barreiro, explicou que a estação tem cerca de 191 m² de área construída e pode acomodar cerca de 450 pessoas.

O piso é levado e os acessos à estação são realizados por rampa acessível. De acordo com Barreiro, o acesso pelas catracas eletrônicas será feito pelo Bilhete Único ou fichas com QR Code. Para o prefeito de Campinas, Jonas Donizette, do PSB, o sistema vai garantir um tempo bem menor de deslocamento ao usuário, além de ajudar a desafogar o trânsito. De acordo com Jonas, o BRT deverá atrair mais usuários para o transporte coletivo de Campinas. A estação foi aberta apenas para a realização do simulado. A entrega final de toda a obra do BRT está prevista para o início do segundo semestre de 2020.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também