Casos de dengue em Campinas passam dos 100

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Campinas já registra 110 casos confirmados de dengue este ano. Os dados foram divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde nesta segunda-feira e abrangem os números contabilizados de 1º de janeiro a 7 de fevereiro. Em 2019, somando os dois primeiros meses,o município teve 570 confirmações da doença.

Neste ano, a Prefeitura está emitindo alertas informando a população sobre as novas áreas de risco de transmissão da doença, identificadas após as análises técnicas da equipe de saúde para que a população intensifique os cuidados e a eliminação de criadouros.

No último aviso emitido, em 7 de fevereiro, a Pasta apontou os seguintes bairros: Jardim do Vovô, Jardim Pacaembu, Jardim Chapadão, Cidade Universitária I, Jardim Santa Terezinha, Jardim Paraíso de Viracopos, Vila Vitória, Jardim Maracanã, Jardim Novo Maracanã, Jardim Novo Mundo e Núcleo Residencial Princesa D’Oeste.

Em meados de 2019, as autoridades municipais já se mostravam em alerta para este ano já que, com a circulação do sorotipo 2 da doença, a população de Campinas está desprotegida. Não é descartada, inclusive, uma nova epidemia de dengue na cidade.

No ano passado, Campinas teve a terceira pior epidemia da doença, com 26.310 casos e cinco mortes, ficando atrás apenas do anos de 2014 e 2015. Em 2014, foram 42.109 casos e 10 mortes. Em 2015, os números foram ainda maiores: 65.634 confirmados e 22 óbitos.

 

 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também