Dérbi 196 é confirmado para 16 de março, às 20h

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Após pressão da torcida para que o confronto fosse disputado no sábado à tarde, dia 14 de março, os dirigentes bugrinos solicitaram a mudança, o que não foi aceito pela televisão.

Em ofício da Federação Paulista de Futebol,  o Guarani foi informado que o pedido de mudança da data do Dérbi não foi aceito pelo Grupo Globo, detentor dos direitos de transmissão do Paulistão.

Assim, o clássico campineiro está mantido para o dia 16 de março, às 20 horas, no Brinco de Ouro.

Após pressão da torcida para que o confronto fosse disputado no sábado à tarde, dia 14 de março, os dirigentes bugrinos solicitaram a mudança, o que não foi aceito pela televisão.

 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Jogadores da Ponte seguem treinando via videoconferência

Sem previsão de volta ao futebol devido ao aumento da pandemia do novo coronavírus, os jogadores da Ponte Preta seguem em um ritmo forte de treinamentos físicos  através de videoconferência com o preparador físico do clube Juvenilson Souza.

Ex-campeãs da F1 vivem crise financeira

Duas das equipes mais tradicionais da Fórmula 1 e intimamente ligadas à história dos pilotos brasileiros atravessam crise financeira antes do início da temporada 2020, adiado por causa da pandemia do novo coronavírus. Por isso, mudanças devem acontecer. A Williams, por exemplo, sete vezes campeã mundial de pilotos e nove vezes de construtores, acumulou prejuízos de R$ 86 milhões em 2019.

Estevam Soares se diz chateado pela forma que saiu do Guarani

Atualmente coordenador técnico do Oeste de Barueri, Estevam Soares comentou a saída do Guarani em setembro passado após ter ficado no cargo de Diretor de Futebol por apenas 16 dias. “Fiquei chateado porque após telefonema do Palmeron Mendes Filho eu fui de peito aberto para uma função que nunca tinha feito. Eram 27 anos dentro do campo”, disse.

Federação elabora protocolo de saúde para volta do futebol

Em entrevista ao CBN Esportes desta quarta-feira, o Dr. Moisés Cohen, diretor do Comitê Médico da Federação Paulista de Futebol, explicou como está o andamento da elaboração do protocolo de saúde para a volta do futebol, ainda com data indefinida. A exemplo do que aconteceu no futebol da Alemanha, o Campeonato Paulista terá regras para evitar aglomerações.