Audiência pública discute alterações na legislação da APA

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Valéria Hein

A Câmara de Campinas promoveu uma audiência pública nesta quarta-feira para debater alterações propostas na APA – Área de Proteção Ambiental. Foram debatidos dois Projetos de Lei Complementares do Executivo que alteram dispositivos da Lei de 2001, que criou a APA do município. As mudanças propostas visam a adequar a APA ao Plano de Manejo,  em consonância com a Lei Federal que caracteriza as Unidades de Uso Sustentável, visando estabelecer os critérios para parcelamento, ocupação e uso do solo nas áreas rurais e urbanas da APA.

Para Angela Podolsky, da Associação APAVIVA, as alteração propostas representam um avanço e uma conquista das associações e órgãos de defesa da APA de Campinas. Entre os pontos positivos, Angela destaca que as mudanças propõem que os novos loteamentos passam a ter áreas menores e receberão benefícios caso insiram moradia popular. Um dos questionamentos levantados foi a reduzida participação popular no processo.

O promotor do Gaema, Rodrigo Sanches, defende formas mais claras nas convocações das audiências públicas, melhorando o sistema de divulgação. No caso da audiência desta quarta-feira, Rodrigo alega que a divulgação no site da Câmara ocorreu 7 dias após a publicação no Diário Oficial e mesmo assim, com pouca visibilidade. Para o presidente da Comissão de Política de Urbana, o vereador Zé Carlos, do PSB, a audiência pública foi divulgada conforme prevê o regimento, mas prometeu considerar a sugestão do promotor. A audiência pública facultativa foi promovida pela Comissão de Política Urbana.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também