CBF anuncia apoio financeiro a 140 clubes e federações

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

A Confederação Brasileira de Futebol anunciou apoio financeiro aos clubes e federações  no valor de  R$ 23.120.000,00 para tentar amenizar os prejuízos causados pela paralisação do futebol em virtude do novo coronavírus.

Medidas anunciadas:

– Para os 68 clubes da Série D, o auxílio individual será de R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais), num total de R$ 8.160.000,00 (Oito milhões, cento e sessenta mil reais).

– Para os 20 clubes da Série C, o auxílio individual será de R$ 200.000,00 (Duzentos mil reais), num total de R$ 4.000.000,00 (Quatro milhões de reais).

– Para os 16 clubes da Série A1 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio individual será de R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais), somando R$ 1.920.000,00 (Um milhão, novecentos e vinte mil reais).

– Para os 36 clubes da Série A2 do Campeonato Brasileiro Feminino, o auxílio por clube será de 50.000,00 (Cinquenta mil reais), com o desembolso total, pela CBF, de R$ 1.800.000,00 (Um milhão e oitocentos mil reais).

– Para as Federações Estaduais, são R$ 120.000,00 (Cento e vinte mil reais) por entidade, num total de R$ 3.240.000,00 (Três milhões, duzentos e quarenta mil reais).

Essas ações se somam a outras medidas tomadas anteriormente pela CBF, também com impacto financeiro direto para o sistema do futebol:

– Isenção por tempo indeterminado aos clubes das taxas de registro e transferência de atletas. A medida deve gerar aos clubes uma economia em torno de R$ 4.000.000,00 (Quatro milhões de reais) nos primeiros três meses de aplicação.

– Adiantamento de uma parcela de R$ 600.000,00 (Seiscentos mil reais) para os clubes da Série B do Campeonato Brasileiro referentes aos direitos de TV da competição, feito com recursos próprios da CBF, no valor total de R$ 12.000.000 (Doze milhões de reais).

– Adiantamento aos árbitros do quadro nacional do pagamento de uma taxa de arbitragem, calculada a partir da maior taxa paga pela CBF em 2019 para sua categoria, no valor total de R$ 900.000,00 (Novecentos mil reais).

 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Maioria dos jogadores é a favor da volta do futebol

Em entrevista ao CBN Esportes desta sexta-feira, o presidente da Federação Nacional dos Atletas Profissionais de Futebol, Felipe Augusto Leite, informou que a maioria dos jogadores é a favor da volta do futebol mesmo com o aumento do número de casos da covid-19 no país. Uma pesquisa detalhada sobre a opinião dos jogadores deve ser divulgada na próxima semana.

Eli Carlos morre em Campinas aos 66 anos

Faleceu na manhã desta sexta-feira, em Campinas, o ex-jogador e técnico Eli Carlos, aos 66 anos. Eli Carlos Alberto Pereira nasceu em Ribeirão Preto em 19 de abril de 1954. Em agosto de 2018, ao ser submetido a uma endoscopia, sofreu parada cardíaca ficando em coma induzido.

Presidente do Guarani explica situação com a Magnum

Notificado pela Justiça, o presidente do Conselho de Administração do Bugre, Ricardo Moisés, espera reverter nos próximos dias qualquer possibilidade de perda de receita : ” Nosso relacionamento com Roberto Graziano é o melhor possível, chegaremos a um acordo”, disse  o dirigente ao CBN Esportes desta quinta-feira.

Vadão luta contra o câncer no hospital Albert Einstein

Com passagens marcantes por Mogi Mirim, Guarani e  Ponte Preta e ex-treinador da seleção brasileira feminina de futebol, o técnico Vadão se encontra internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo, para tratamento de um câncer no fígado. Aos 63 anos, Vadão começou o tratamento em janeiro após exames de rotina.