Tecnologia é arma para empresas na pandemia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

A mudança nos hábitos de consumo da população, resultante das medidas de isolamento social para conter o avanço do novo coronavírus, forçou empresas de diferentes segmentos e portes a ingressar no comércio eletrônico, seja na criação de plataformas de compras on-line, seja na divulgação de seus produtos nas redes sociais. A transformação digital, que vinha sendo empregada gradativamente por grandes varejistas, virou questão de sobrevivência na pandemia e deve se consolidar ao término da crise, avaliam especialistas. As limitações de acesso ao comércio, como shoppings, restaurantes e academias, impuseram às empresas uma reestruturação de seus negócios por meio do fortalecimento de novos canais de venda, não se limitando aos espaços físicos, que seguem sem prazo definido para retomar suas atividades. 

De acordo com estudo da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico, que analisou o comportamento de 4 mil lojas virtuais antes e durante a pandemia, o e-commerce exibiu aumento de 40% nas compras diárias só no mês de abril. Mesmo com bom alcance nos segmentos de moda e calçados, as altas mais importantes se referem aos produtos essenciais, como aqueles vendidos em farmácias e supermercados. De acordo com o professor de economia da PUC-Campinas, Roberto Brito, este é um novo momento da humanidade, que está mudando permanentemente as relações econômicas e sociais. Nós estamos falando aqui que um novo momento da humanidade, aonde a intensificação do uso das tecnologias de informação e comunicação está fazendo mudanças não só na dinâmica econômica, mas também no social”, acredita.

Um levantamento feito pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo, apontou que a tendência de manutenção do e-commerce mesmo ao final da crise provocada pelo coronavírus. Na pesquisa, 70% dos entrevistados exprimiram interesse em continuar comprando on-line de forma mais intensa após a quarentena.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também