Denúncia contra envolvidos em morte é aceita

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Os dois homens que se envolveram na morte de um jovem de 19 anos em um bar no Centro de Campinas, passaram a ser réus no inquérito sobre o homicídio. O crime aconteceu em fevereiro deste ano, quando Andrew Silva Jaroczinski morreu após uma briga no bar Velho Casarão. A denúncia foi feita pelo Ministério Público e acatada pela justiça.

Segundo a denúncia, o barman Osmar José Pores da Silva, irmão do dono do estabelecimento, deve ser responsabilizado pelo crime de homicídio qualificado, uma vez que matou o jovem a facada por motivo torpe e com uso de recurso que dificultou a defesa da vítima. A Polícia Civil apurou que a confusão geral ocorreu por causa de uma mancha de ketchup na roupa de um dos clientes, e após discussão entre ele e funcionários. A vítima não teve envolvimento com esse episódio.

O outro réu é Lucas Aparecido Ribeiro, também cliente do bar, e que teria interceptado a vítima no momento em que ela fugia dos agressores.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES
Play Video

Ao vivo

CBN Campinas

99,1 FM

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também