Estado proíbe público nos estádios de futebol

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Reprodução/YouTube

O governador João Dória (PSDB) anunciou nesta quarta que o Governo do Estado não vai autorizar a presença de público nos estádios de futebol enquanto o Plano São Paulo estiver na fase amarela.

A CBF protocolou o pedido após a intenção da Prefeitura do Rio de Janeiro de liberar a presença de torcedores. No dia 9 de outubro, a Seleção Brasileira recebe a Bolívia pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, na Neo Química Arena.

Dória afirmou que ainda não é seguro colocar público nos estádios.

O coordenador do Comitê de Contingência do Coronavírus, José Medina, listou uma série de fatores que envolvem um jogo de futebol com público para vetar a presença dos torcedores.

A decisão do Comitê de Contingência foi unânime. Clubes da Série A do Campeonato Brasileiro, como Corinthians e Palmeiras, afirmam que só aceitarão jogar com público quando todas as equipes da competição estiverem com torcida liberada.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Desemprego cresce 31,85% em Campinas

Um levantamento da ACIC, com base nos dados do CAGED, apontou que em 2020 o desemprego em Campinas cresceu 31,85% , na comparação com 2019. O ano de 2020 fechou com 108.662 trabalhadores sem emprego. Em 2019, eram 82.413. No entanto, o Secretário Municipal de Trabalho e Renda, Gustavo Di Tella Ferreira, acredita que com o avanço da vacina, haverá aos poucos a retomada no emprego.