Empresas apontam 50% de aumento na produção

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: créd Flávio Botelho

Cinquenta por cento das empresas da Região de Campinas registraram aumento na produção em setembro. A pesquisa realizada pelo Ciesp-SP, divulgada nesta terça-feira , apontou, no entanto, que uma alta no valor de itens de matéria prima pode impedir algumas companhias de continuarem trabalhando.

A metade das empresas consultadas registrou alta, 21% citaram estabilidade e 28,5% apontaram queda. Segundo o vice-diretor do Ciesp-Campinas, José Henrique Toledo Corrêa, o resultado positivo em relação ao mês anterior a demonstra  uma recuperação das indústrias após o impacto causado pela pandemia.

No entanto, ele admite alguma dificuldade quanto à matéria prima, já que  85,7% das empresas entrevistadas verificaram alta de preço neste item. O aumento do custo da matéria prima atinge, por exemplo, o aço, alumínio, vidros, resinas, e plásticos, com preços reajustados pelos fornecedores acima da inflação.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também