Sobem síndromes gripais não relacionadas à covid-19

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O reaquecimento da pandemia da covid-19 preocupa, mas, ainda não vivemos uma segunda onda como vem ocorrendo em países da Europa. A afirmação é do Secretario Municipal de Saúde de Campinas, Carmino de Sousa.

De acordo com ele o que está acontecendo em diferente regiões do pais é uma intensificação da primeira onda que ainda não acabou.

Segundo o secretário Carmino de Sousa, na RMC o numero de internações continua caindo principalmente em Campinas que registrou variação mensal de 22% a menos. Atualmente o coeficiente de letalidade está bem abaixo do Estado e da Capital paulista. De acordo com ele, na avaliação dos números, houve um aumento considerável nos casos de síndromes gripais não relacionadas a Covid-19.

Para se ter uma ideia o secretario explicou que nos centros de saúde na 45ª semana epidemiológica, o numero passou de 1720 para 2220  nas 67 unidades da rede municipal. Nos prontos atendimento e prontos socorros o aumentou ficou em torno de 2000 mil casos, porém,  o percentual de positividade para covid-19 foi inferior a 5%.

Na opinião do secretario de  saúde de Campinas,  no momento não há nenhuma razão sanitária para que sejam tomadas medidas radicais como o lockdown. Porém o futuro vai depender muito do comportamento da população, pois , o vírus se espalha nas aglomerações. Segundo o secretário, para que se faça o enfretamento da pandemia, que não acabou, temos que estabelecer uma forma de convivência que envolve o uso da mascara, do álcool em gel, do distanciamento social e demais medidas de higiene.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também