Prefeitos de Indaiatuba e Sumaré são reeleitos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Divulgação/Arte: Valéria Gonçalves

O atual prefeito de Indaiatuba, Nilson Gaspar, do MDB, foi o mais votado nas eleições de 2020 e vai iniciar o segundo mandato em 1º de janeiro do ano que vem. Nascido em Campinas, o engenheiro de 51 anos diz que se sente na obrigação de fazer uma gestão melhor que a primeira e define a recessão como principal desafio.

“Pode ter certeza que nesses quatro que estão terminando nós fizemos muita coisa, mas agora não é mais dever e virou obrigação fazer um governo melhor”, alega.

Além do MDB, Gaspar venceu com o apoio de outros nove partidos. São eles: Republicanos, PMB, Solidariedade, PSDB, PSD, PP, DEM, PSL e PL.

Em Sumaré, Luiz Dalben, do Cidadania, foi o nome mais votado e vai para a segunda gestão em 2021. O campineiro de 31 anos também citou a pandemia. Ele agradeceu pelo resultado, que definiu como “acachapante” e considerou um reflexo da confiança que a população depositou no trabalho feito por ele.

“Eu fiquei muito feliz. Foi uma vitória acachapante e mostrou que está dando certo. Mas tem muito mais. A pandemia é importante, mas tem muito pra fazer”, diz.

A coligação contou com 11 siglas: PT, PSDB, Republicanos, PSC, Solidariedade, PL, PSL, PSD, DEM, PSB e PP.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também