Coronavac tem efetividade de 50% contra variante P1

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Danilo Braga

Um estudo realizado com cerca de 67 mil trabalhadores da saúde da cidade de Manaus mostrou que a Coronavac, teve uma efetividade de 50% em prevenir adoecimento pela covid-19, com a variante P.1, após 14 dias da primeira dose.

A pesquisa foi coordenada por infectologistas da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

A análise interina de efetividade feita pelo grupo Vebra Covid-19 é a primeira que avalia a efetividade da Coronavac em locais onde a variante P.1, conhecida como variante de Manaus, é predominante.

Os pesquisadores também deverão avaliar a efetividade da Coronavac e da vacina da Astrazeneca/Oxford em idosos na cidade de Manaus, Campo Grande e no estado de São Paulo.

 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também