Agendamento de vacina para grupo específico é retomado

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Danilo Braga

A Secretaria Municipal de Saúde de Campinas abriu nesta sexta-feira o agendamento para vacinação contra a covid-19 para estudantes da área da saúde em estágio em instituição do setor, pessoas com síndrome de Down, pacientes em terapia renal substitutiva ou transplantados (rim, coração, pulmão, fígado ou pâncreas), além de trabalhadores da área de saúde.

Todos devem ter a partir de 18 anos. O dia e o horário devem ser escolhidos no site vacina.campinas.sp.gov.br ou pelo telefone 160. As pessoas que enfrentarem dificuldades podem buscar ajuda no centro de saúde mais próximo de onde moram.

No grupo de trabalhadores de saúde estão incluídos os profissionais que têm graduação ou curso técnico na área ou que trabalham no setor, incluindo recepcionistas, trabalhadores da limpeza e lavanderias, cozinheiros, balconistas de farmácias, drogarias, entre outros que trabalham em estabelecimentos como hospitais, clínicas, ambulatórios, laboratórios, drogarias, farmácias, além de cuidadores de idosos registradas por empresas da área.

A vacinação acontece em cinco centros de imunização, que funcionam das 8h às 20h, de segunda a sexta-feira; e das 8h às 18h, aos sábados e domingos.

Serão atendidas somente as pessoas que estiverem agendadas, que devem comparecer ao local com dez minutos de antecedência para evitar aglomerações.

Todas as pessoas que vão receber a vacina, independentemente do grupo de que fazem parte, devem levar, no dia marcado, documento de identificação com foto e CPF, além dos comprovantes de endereço em Campinas e do agendamento, que pode ser mostrado no celular.

No caso dos estudantes da área de saúde, também deve ser apresentada declaração de matrícula nominal emitida pela instituição de ensino, em papel timbrado, carimbada e assinada por coordenador do curso ou outra autoridade equivalente. O documento deve trazer o nome completo do estudante, curso, semestre ou período que está cursando e informações sobre estágio em andamento. Além disso, deve apresentar declaração em papel timbrado emitida pelo serviço/unidade de saúde em que realiza o estágio, que deverá conter: nome completo do estudante, curso, semestre e nome do coordenador do serviço (com CPF e assinatura).

Os trabalhadores na área de saúde precisam levar o registro no Conselho de Classe e/ou outro comprovante, além de comprovante de trabalho no setor, que pode ser contrato de trabalho, contrato de prestação de serviços, holerite, crachá (desde que contenha nome do estabelecimento, nome e sobrenome da pessoa, cargo ou função) ou declaração emitida pelo serviço de saúde que comprove o vínculo empregatício da pessoa.

Já os pacientes em terapia renal substitutiva ou transplantados devem apresentar relatório ou declaração do médico informando o diagnóstico e recomendando a vacinação.

As pessoas que não apresentarem os documentos exigidos não serão vacinadas.

Locais de vacinação:

– CVI – Centro de Vivência do Idoso na Lagoa do Taquaral
Avenida Doutor Heitor Penteado, s/nº. Portão 5, com área de estacionamento

– Escola CAIC Zeferino Vaz
Rua José Augusto de Mattos, s/nº
Parque Residencial Vila União

– Círculo Militar de Campinas
Avenida Getúlio Vargas, 200
Jardim Chapadão

– Casa da Criança Paralítica
Rua Pedro Domingos Vitali, nº 160
Parque Itália

– Centro de Imunização Noroeste (antigo prédio da NAED Noroeste)
Rua Augusta Parreira Belinteni, s/nº
Vila Castelo Branco

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também