PUC-Campinas traz exposição online sobre o corpo na arte africana

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Reprodução PUC-Campinas no Facebook

O Museu Universitário da PUC-Campinas está apresentando uma exposição virtual sobre a cultura africana.

A exposição “Ausência/Presença: os sentidos do corpo na arte africana”, realizada a partir de peças do físico Rogério César de Cequeira Leite, é dividida em dois módulos, “Máscaras” e “Estatuetas” e faz parte das comemorações de 80 anos da universidade.

O físico Cerqueira Leite é presidente de honra do Conselho de Administração do Centro Nacional de Pesquisas em Energia e Materiais, o CNPEM, entidade responsável pela gestão dos Laboratórios Nacionais de Luz Síncrotron, onde está instalado o Sirius. Além disso, Cerqueira também implantou na Unicamp o Departamento de Música e o Instituto de Artes.

A curadoria é da professora doutora Juliana Bevilacqua e da professora mestre Gabrielle Nascimento, que selecionaram 17 peças do acervo. O objetivo é utilizar o conjunto de máscaras e estatuetas da coleção para apresentar algumas reflexões sobre a questão do corpo na arte africana.

A exposição ficará disponível até o mês de agosto. Para visitar bastar acessar o site www.ausenciapresenca.com.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Netflix e Globoplay apostam em novas séries originais

Na nova minissérie sobre crimes reais da Netflix “Os Filhos de Sam: Loucura e Conspiração”, uma teoria sobre David Berkowitz é apresentada a partir da possibilidade de envolvimento de mais criminosos. O início de maio também tem novidades originais na Globoplay. A série “Onde Está Meu Coração” é nacional e conta a história de uma jovem médica, interpretada por Letícia Colin.

MACC abre acervo para visitação

O Museu de Arte Contemporânea de Campinas “José Pancetti” (MACC) está com exposição do seu acervo aberta à visitação do público. O horário é de segunda-feira a sexta-feira, das 11h às 17h. A entrada é gratuita. A capacidade permitida é de 25% e os protocolos de segurança devem ser respeitados, como o uso de máscara, álcool em gel e distanciamento.