Sede do Clube Cultura será revitalizada e abrigará shopping

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Divulgação/Clube Cultura

A sede social do Clube Semanal de Cultura Artística de Campinas será revitalizada e abrigará uma galeria com lojas, piano bar e teatro. Localizado na Rua Irmã Serafina, numa das áreas mais nobres do Centro da cidade, o imponente prédio de três andares estava abandonado desde 2017. Uma parceria firmada entre o clube e a empresa W. Holding permitirá a restauração do edifício, conservando todas as suas características arquitetônicas e ainda disponibilizar uma nova opção de comércio e lazer para a população.

No local da antiga boate será construído um teatro, que deve ser inaugurado em dezembro deste ano. A segunda fase das obras prevê a transformação da galeria do clube em 80 espaços locáveis para comerciantes em geral, o que deve acontecer a partir de abril de 2022. Para o presidente do Clube Cultura Artística, Claudinei Cremonesi, a revitalização é vista como extrema importância, já que valoriza o patrimônio dos associados. Segundo ele, a cidade como um todo sai ganhando com a conclusão da reforma. “Esta revitalização é muitíssima importante para o Clube Cultura e seus associados. Pois teremos nosso patrimônio valorizado, mantendo suas características e sua identidade, bem como para todo o seu entorno. É muito importante também para o nosso município, pis revitalizará toda aquela região”, disse.

O CEO da W. Holding, Juliano Masserani, afirma que a Praça Carlos Gomes também passará por intervenções de melhorias. Ele ressalta que isso é um desejo da própria empresa, que decidiu expandir o projeto, sem que houvesse qualquer exigência do poder público. Com isso, o espaço público deverá ter melhorias no paisagismo, iluminação e segurança, além de atender a população com a instalação de banheiros públicos. “Nós vamos melhorar a Praça Carlos Gomes. Segunda-feira vamos entregar um projeto para revitalizar a praça. E isso não foi contrapartida da prefeitura. Isso foi um desejo nosso, de iluminar as árvores, pintar o coreto com uma cor mais clara. Nós vamos ver se pode criar um banheiro. Vamos instalar câmeras na praça e trazer essas imagens para dentro do shopping”, revela Masserani.

Para quem vive perto da sede social do Cultura, a degradação do espaço era um problema muito grave. Em 2019, a reportagem da CBN esteve no local e conversou com moradores da região. Foram vários problemas relatados, sempre com o desejo de que o espaço fosse melhor aproveitado pela população. “Está abandonado já faz algum tempo, né?”, afirmou na ocasião Sérgio Buranelli. “Eu acho complicado e é perigoso. Eu sou vizinha aqui e (o espaço) é perdido, né? Porque é um lugar tão bacana, o Centro precisava tanto de um centro cultural bacana e tem esse espaço que está morto”, afirmou em 2019 a vizinha da sede, Daniela Schneider. “Não pode acabar. Tem que reorganizar isso aí. Mudar e transformar isso aí”, pediu João Robson.

A sede da Rua Irmã Serafina foi inaugurada no dia 12 de novembro de 1959 e por lá permaneceu até julho de 1988. Desde então o prédio foi utilizado algumas vezes, mas desde que o posto de saúde que funcionava no local foi fechado pela prefeitura em 2017, o imóvel ficou fechado, sem manutenção.

Veja imagens do projeto de revitalização do Clube Cultura Artística de Campinas:

Imagens: Divulgação/Masserani.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também