Uso de UTIs para covid vai a 96% em Campinas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Foto: Danilo Braga

Somando as redes municipal, privada e o HC da Unicamp, 407 das 424 vagas de terapia intensiva para covid-19 estão em uso em Campinas, o que equivale a 96%. São 17 leitos livres. Além disso, há 13 pessoas aguardando por UTIs exclusivas. As enfermarias contam com 473 pacientes.

O SUS Municipal tem 160 das 162 unidades ocupadas, com índice de 98,76%. Os hospitais particulares possuem 232 vagas deste tipo: 218 em uso e 14 livres, ou 93,96%. O governo estadual não detalhou os leitos do AME. Já o HC tem 29 dos 30 leitos com pacientes, com taxa de 96,66%.

Campinas divulgou 25 mortes pela covid: 19 eram homens e seis, mulheres. Vinte vítimas tinham comorbidades e 13 tinham mais de 60 anos. As outras 12 tinham entre 39 e 59 anos. A cidade chegou a 3.451 óbitos desde o início da pandemia. A maioria, 19, aconteceu neste mês.

Até agora, são 105.674 contaminações, 1.797 a mais. O número alto foi registrado após dois dias de problemas em um dos bancos de dados do Ministério da Saúde. Ainda conforme a pasta municipal de Saúde, 370.273 pessoas receberam a primeira dose da vacina e 168.260, a segunda.

 

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também