Dependência em jogos virtuais: China limita jogos online a 3h por semana

O governo chinês irá usar um sistema de cadastro dos jogadores, com nomes reais nos games e cartões de identificação, além de fiscalizar as empresas de jogos, para garantir que estão cumprindo as normas de saúde contra dependência em jogos.
china games

clique no player abaixo para ouvir o programa na integra:

Seguindo a tendência mundial de limitar o uso de tela de crianças e adolescentes, o governo da China anunciou novas medidas para combater o vício em jogos online entre as pessoas menores de 18 anos.

A partir de 1º de setembro os 110 milhões de jogadores menores de idade no país poderão acessar seus games três horas por semana, sendo uma hora na sexta-feira, uma no sábado e uma no domingo sempre no horário entre às oito e nove da noite, além de feriados nacionais oficiais e férias escolares.

A regra anterior, em vigor desde 2019, tinha um limite máximo de uma hora e meia por dia e três horas nos fins de semana e feriados. Passar a madrugada nos games online entre dez horas da noite e oito horas da manhã também já era proibido.

O governo chinês irá usar um sistema de cadastro dos jogadores, com nomes reais nos games e cartões de identificação, além de fiscalizar as empresas de jogos, para garantir que estão cumprindo as normas de saúde contra dependência em jogos.

Ouça os episódios mais recentes do Transformação Digital CBN



Para você que estiver ouvindo esse episódio pelo Spotify não esqueça de clicar no botão “seguir”, e se você estiver ouvindo pelo Apple Podcasts deixe suas 5 estrelas e comentário.

Tem algum comentário sobre o novo formato do podcast? Tem alguma dúvida sobre este assunto? Quero saber sua opinião, me procure no instagram, twitter e no facebook para gente continuar este diálogo.

 


 

Compartilhe!

Pesquisar

PODCASTS

Mais recentes

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Veja também

A inteligência artificial pode se tornar autoconsciente?

Neste episódio do Transformação Digital CBN, repercutirmos os recentes acontecimentos sobre o artigo do então engenheiro sênior de software da Google, Blake Lemoine, de 41 anos, que afirmou que umas das tecnologias que ele estava trabalhando ganhou autoconsciência.

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.