Instituto Anelo recebe críticas por campanha contra trabalho infantil

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Marlon Rissatto

Em parceria com o Ministério Público do Trabalho, o Instituto Anelo regravou, na véspera do Dia das Crianças, a música “Sementes” dos rappers Emicida e Drik Barbosa. Esse projeto faz parte da campanha contra o trabalho infantil. 

O vídeo bateu recordes de visualizações, mas dois dias após o lançamento, quando o Instituto resolveu ativar os comentários da publicação, uma enxurrada de críticas apareceu. A maioria dizia que crianças trabalhando ficam longe das drogas e criam responsabilidades. Outros até alegavam que a associação seria “esquerdista”. 

De acordo com o fundador do Anelo, Luccas Soares, esse tipo de reação não era esperado. Eu não imaginava ver isso em pleno século XXI, até porque eu era uma criança trabalhando, eu fui explorado pela falta de políticas públicas. O Instituto Anelo não tem nenhuma bandeira política ou religiosa, o instituto defende seus valores, e entre os nossos valores, o principal é o respeito”.  

Para ele, muitas pessoas, que já passaram por essa situação e adotam este tipo discurso, focam apenas nas conquistas e não expõem tudo que elas perderam. Eu vejo muitas pessoas que passaram pela mesma situação com alguns discursos assim ‘eu trabalhei minha vida toda e hoje estou aqui’. Bom, isso aconteceu comigo também. Tenho meu trabalho, tenho minha família, conquistei coisas, mas e o que eu perdi? As pessoas deixam de pontuar aquilo que elas perderam, e uma das coisas é a infância”. 

Apesar dos discursos pejorativos, Luccas afirma que eles não vão desativar o espaço para comentários. Nós chegamos a pensar em desativar os comentários, mas decidimos manter. Cada um pode escrever aquilo que quer, mas se cometer um crime, vai responder por isso”.  

Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.