Polícia Civil faz operação contra a pedofilia em Paulínia

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Divulgação/DEIC

Dois suspeitos de pedofilia foram presos pela Polícia Civil de Campinas, na manhã desta sexta-feira. Os mandados foram cumpridos em Paulínia, nas residências dos dois homens: um mecânico de 52 anos, morador do Parque Brasil 500 e um estudante de 28 anos, na Vila Monte Alegre. A Operação Curumins também cumpriu mandados de busca e apreensão, com vasto material de pornografia infantil apreendido e toda ocorrência foi apresentado na 1° DIG de Campinas.

O Delgado Titular da DIG de Campinas, José Glauco Ferreira, explica que os suspeitos utilizavam uma rede de internet própria para o compartilhamento de imagens de pornografia infantil. “Esses criminosos deixam suas marcas quando acessam esse tipo de material e a gente costuma constatar o crime através de material de informática que configura o crime, que são arquivos de pornografia infantil”. De acordo com o Delgado Glauco, aqueles que atuam neste tipo de crime normalmente pertencem à classe média alta, com conhecimento técnico em tecnologia e internet e a atividade é realizada escondida da família.

Esses criminosos geralmente têm um perfil próprio e não querem ser revelados por causa da família, pais, Então, isso demanda uma certa preocupação durante a busca”. Essa investigação vem ocorrendo há 2 meses. As penas são de 1 a 5 anos de prisão. Consumir esse tipo de conteúdo também é crime, mas as penas maiores são para os que compartilham o conteúdo.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.