Comissão de Cultura da Câmara debate viabilidade do Carnaval 2022

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Reprodução Facebook

A Comissão de Cultura da Câmara Municipal de Campinas se reuniu na tarde desta segunda-feira (29) com representantes de blocos carnavalescos de rua da cidade, com a presença da Secretária Municipal de Cultura e Turismo, Alexandra Caprioli, entre outros funcionários da Pasta. Os participantes debateram sobre a viabilidade da realização do Carnaval em Campinas no ano de 2022.

Alguns responsáveis por blocos querem a realização festa, já outros acreditam que ainda não é o momento de realizar aglomerações. Apenas como parâmetro de comparação, 14 blocos se inscreveram na Prefeitura até agora. Em 2020 foram 52 blocos inscritos.

Os participantes lembraram que já estão ocorrendo eventos com aglomerações como o Rodeio de Jaguariúna, torcidas em estádio, entre outras, mas que ainda não é possível saber como estarão os indicadores sanitários na época do carnaval.

Alexandra Caprioli, secretária de Cultura e Turismo, disse que de qualquer forma é preciso tomar uma decisão logo para que os blocos possam se organizar. E que mesmo que se tome essa decisão, não há certeza de que a festa vai acontecer.

“A gente não tem a certeza. Pode ser que às vésperas, mesmo que a gente tome uma decisão agora, todos nós estamos certos de que a saúde e a ciência preponderam e que isso seja o que nos norteie. Mas a gente tem que tomar uma decisão no momento oportuno que é agora”, disse.

A Prefeitura não investe dinheiro na festa, mas apoia com segurança, trânsito e banheiros químicos, por exemplo.

O vereador Paulo Bufalo, presidente da Comissão, disse que todos estão cientes do momento delicado que ainda vivemos.

“Há então uma sensibilidade de assimilar essa questão do tempo. A Secretaria (de Cultura) vai refletir a respeito disso e vai procurar num tempo curto poder apresentar um posicionamento, apesar das incertezas, porque ninguém combina com o vírus”, afirmou.

Outras reuniões, provavelmente, em janeiro devem ocorrer para tratar do tema.

A Prefeitura informou em nota que atualmente, Campinas tem melhora em seus indicadores epidemiológicos, devido ao avanço da vacinação, com mais de 94% da população adulta com pelo menos uma dose da vacina contra a covid-19 e 91,8% com esquema vacinal completo. No entanto, por conta da nova variante (ômicron), o grupo de estudos do Departamento de Vigilância em Saúde (Devisa) vai se reunir nesta terça (30) à tarde com o prefeito Dário Saadi para levar um posicionamento, aprofundar os estudos e definir os encaminhamentos em relação ao Carnaval e a outras festas públicas.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.