Funcionários das categorias de base da Ponte fazem greve

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Roberto Torrecilhas

Os funcionários que trabalham com as categorias de base da Ponte Preta, com sede em Jaguariúna, fizeram uma paralisação das atividades nesta segunda-feira. O grupo cobra salários atrasados há dois meses e cestas básicas, segundo mensagem enviada à produção da CBN Campinas.

Um funcionário, que se identifica como Orlando, explica em vídeo o motivo da greve.

 

A Ponte Preta respondeu por meio de nota da assessoria de imprensa. Confira na íntegra.

A Ponte Preta tomou conhecimento de uma manifestação de alguns funcionários do Recanto da Macaca, em Jaguariúna, ocorrida na manhã desta segunda. O fato é inesperado, uma vez que não há atividades esportivas no local neste início de semana (os jovens atletas presentes apenas cumprem o calendário de aulas hoje) e, principalmente, porque não houve nenhum comunicado prévio nem à instituição nem tampouco ao/do Sindicado da Categoria – com quem a Ponte tem mantido um canal de diálogo aberto permanentemente, tendo inclusive se reunido na semana passada para informar sobre o salário que está atrasado (o vincendo no quinto dia útil de novembro) e as perspectivas. A Ponte mantém sua política de transparência e está trabalhando continuamente para acertar a pendência existente, e vai apurar o ocorrido junto aos funcionários de Jaguariúna e ao Sindicato.

Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.