Câmara de Campinas e Nelson Hossri travam “guerra” de laudos periciais

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Foto: Enviada por ouvinte

Um laudo entregue pela Câmara de Campinas à 1ª DIG (Delegacia de Investigações Gerais) rebate um outro documento entregue pelo vereador Nelson Hossri no caso que segue sendo investigado de possível ato de racismo contra a vereadora Paolla Miguel (PT),durante uma sessão no Legislativo.

No laudo assinado pelo perito Maurício Raymundo de Cunto, ele afirma que não é possível identificar se a pessoa falou “Preta lixo” ou “Petta lixo”, classificando assim o documento como “Inconclusivo”.

De acordo com informações do perito, a identificação do conteúdo ficou prejudicada, porque o ambiente estava contaminado por “outros ruídos, do plenário, distorções, sobreposições e reverberações acústicas.”

Na semana passada, Nelson Hossri, vereador que sofre uma CP (Comissão Processante), por quebra de decoro parlamentar, apresentou um laudo assinado pelo perito Ricardo Molina em que ele afirma que a frase dita foi “Petta lixo” e não “Preta lixo”.

A mulher, indicada pelo vereador Jorge Schneider como sendo a autora da ofensa, já foi ouvida e negou as acusações. 

O delegado responsável pelo caso, José Glauco Ferreira, informou que as diferentes conclusões periciais não alteram o inquérito da polícia. 

Compartilhe!
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.