Atraso na licitação não deve impactar coleta de lixo em Campinas

Foto: Divulgação/Prefeitura de Campinas

O pregão para escolher a próxima empresa que vai operar a gestão de resíduos sólidos em Campinas aconteceria nesta quinta, mas foi adiado após questionamento de uma das concorrentes. Desta forma, são mais 12 dias úteis para a entrega das propostas, em 14 de junho.

Apesar da mudança, o secretário municipal de Serviços Públicos, Ernesto Paulella, garante que os serviços de coleta, varrição, transferência e transbordo dos resíduos não sofrerão qualquer modificação, pois o contrato com a atual empresa cobre esse prazo. “Não haverá qualquer prejuízo à gestão dos resíduos até que se tenha um novo contratado”, afirma.

Uma das concorrentes apontou 19 questionamentos no edital aberto pela Prefeitura de Campinas, que acatou três deles e realizou mudanças antes do pregão. Ernesto Paulella acredita que não haverá novo adiamento no processo. “Como este edital já está validado pelo Tribunal de Contas, acredito que não restam mais dúvidas após os esclarecimentos”, afirma o secretário.

Os questionamentos aceitos pela Prefeitura foram a diminuição da porcentagem do valor total a ser aplicado no custo dos trabalhadores, o pagamento de insalubridade aos profissionais que trabalham em bueiros e gasto com equipe de divulgação dos dias de coleta.

Compartilhe!

Pesquisar

PODCASTS

Mais recentes

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Veja também

Guarda Municipal prende dois homens com drogas em terminal

Dois homens, de 22 e 18 anos, foram detidos pela Guarda Municipal por tráfico de drogas dentro do Terminal Central de Campinas nesta quarta-feira. Com a dupla, foram encontradas 15 porções de cocaína, 41 de maconha, 4 de crack, R$ 200, três aparelhos de telefone celular, tesouras e papel para embalagem dos entorpecentes.

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.