Ex-chefão da Fórmula 1 é preso em Viracopos por porte de arma

Foto: Wikipedia

O ex-chefe comercial da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, foi preso nesta quarta-feira no Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, autuado em flagrante por porte de arma de fogo. 

Ele estava no Brasil há cerca de um mês e embarcava para a Suíça num voo particular por volta das 21h30.

Quando ele passou pela máquina de Raio-X, o equipamento detectou uma pistola calibre 32, sem documentação regular, dentro da bagagem.

Levado à 4ª Delegacia de Apoio ao Turista da Polícia Civil, ele admitiu ser o proprietário da pistola, que havia comprado de um mecânico da Fórmula 1, mas disse que não sabia que a arma estava na bagagem.

Uma decisão conjunta entre as Polícias Federal e Civil definiu que ficaria a cargo da delegada de plantão da Polícia Civil arbitrar fiança, fixada em cinco salários mínimos, totalizando R$ 6.060,00. 

A pistola, que estava sem munição e sem carregador, foi apreendida e o indiciado foi colocado em liberdade provisória, liberado para seguir viagem.

 No Brasil, Bernie Ecclestone acompanhou vários eventos do automobilismo, participou da cerimônia de início da reforma do Autódromo Nelson Piquet, em Brasília, e acompanhou a quarta etapa da Stock Car, que aconteceu em Mogi Guaçu. Bernie Ecclestone é dono de uma fazenda em Amparo.

Compartilhe!

Pesquisar

PODCASTS

Mais recentes

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.