Ouça ao vivo

Gestante e adolescente estão entre as novas vítimas da dengue em Campinas

Foto: Divulgação/Fiocruz

A Secretaria de Saúde de Campinas confirmou nesta quinta-feira mais cinco mortes por dengue na cidade. Com isso, o total chega a 35 neste ano. Os óbitos aconteceram entre os dias 11 de abril e 9 de maio, e um deles é de uma gestante, de 30 anos. 

Esta paciente tinha doença pré-existentes. Ela foi atendida na rede pública e morava na área de abrangência do CS DIC I. Ela teve início dos sintomas em 16 de abril e o óbito ocorreu uma semana depois. 

Das outras quatro vítimas, uma delas não tinha comorbidades. Um homem de 62 anos. Já entre os que tinham doenças pré-existentes, a dengue vitimou um adolescente, de 17 anos, além de uma mulher de 79 anos e um homem de 91. 

Até esta quinta-feira, foram confirmados em Campinas 104.450 casos de dengue. Segundo a Secretaria de Saúde, as gestantes podem ter acesso aos repelentes contra mosquitos que estão disponíveis nas farmácias de todos os 68 centros de saúde da cidade. Basta apresentar o cartão pré-natal.   

A pessoa que tiver febre deve procurar um centro de saúde imediatamente para diagnóstico clínico e não deve se automedicar, pois pode comprometer a avaliação médica, tratamento e recuperação. Já quem estiver com suspeita de dengue ou doença confirmada e apresentar sinais de tontura, dor abdominal muito forte, vômitos repetidos, suor frio ou sangramentos deve buscar o quanto antes por auxílio em pronto-socorro ou em UPA. 

O pico de transmissão da epidemia de dengue na cidade ocorreu no período entre 7 e 13 de abril. 

Compartilhe!

Pesquisar

PODCASTS

Mais recentes

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Veja também

Reportar um erro

Comunique à equipe do Portal da CBN Campinas, erros de informação, de português ou técnicos encontrados neste texto.