Prefeitos da RMC aprovam comitês contra dengue, zika vírus e chikungunya

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Na última reunião do ano do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Campinas, os prefeitos das 20 cidades aprovaram a criação de comitês intersetoriais para o combate o aedes aegypti. A intenção é uniformizar as medidas contra o mosquito transmissor da dengue, do chikungunya e do zika vírus. A proposta consiste na integração de todas as pastas de cada Administração Municipal, a exemplo do que já ocorre em algumas cidades, como Sumaré e Campinas.

Com isso, segundo a diretora-executiva da Agência Metropolitana, Ester Viana, cada município terá um coordenador para debater os temas nos encontros do Conselho. Durante o encontro, campanhas de conscientização e o número de agentes de combate às doenças foram debatidos, já que Campinas e Sumaré tiveram que buscar saídas após o fim do contrato com a Sucen.

Além das medidas contra as arboviroses, a crise econômica no País também foi tema de discussão e uma carta foi redigida em conjunto pelos prefeitos, que reclamam principalmente dos reflexos nos orçamentos. O documento diz que o momento gera “falta de confiança nos investidores e na população”, o que reflete nas arrecadações municipais e nos gastos adicionais crescentes nas áreas de Saúde e Educação.

Segundo o prefeito de Campinas e presidente do Conselho, Jonas Donizette, a intenção é mostrar a situação financeira dos municípios e pedir a retomada do crescimento e a redistribuição dos impostos. Ainda no comunicado, que deve agora ser publicado em forma de manifesto, o Conselho relata que “o aumento do desemprego faz crescer a procura pelos serviços públicos, o que configura uma situação de maior gasto”.

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos