Construtora transforma empregados em parceiros e ganha em qualidade e produtividade

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O mercado imobiliário no Brasil vive de ciclos, alternando momentos de altos e baixos, de acordo com a economia do País. Esta alternância tem um custo bastante grande para quem decide enveredar e investir neste segmento de negócios. A maioria das construtoras não resiste aos percalços financeiros e encerra suas atividades após alguns anos de vida.

Este não é o caso, até agora, do empresário Paulo Bandina, fundador da construtora Badina, há 40 anos no mercado da construção civil e parcelamento do solo. Mas qual o segredo para tantos anos de existência?

Ele responde a este questionamento no Programa Um a Um com Eduardo Santana, onde foi um dos entrevisto na edição do dia 5 de outubro. “Nos anos 80, pegamos os funcionários e demos um empurrão para que eles se tornassem empresários. Exercemos um papel empreendedorismo, dando a eles a chance de serem donos dos seus negócios”, revela. “Montamos parcerias que continuam até hoje, trazendo um ganho para todos. Ficamos uma empresa bem mais leve e eles começaram a ganhar mais”, conta Bandina.

E esta transformação dentro da empresa, transformando funcionários em empresários, ocorreu em uma época onde o rigor das leis trabalhistas imperava, não permitindo que os bons trabalhadores tivessem como ganhar mais. “Uma das dificuldades é nivelar por baixo. Um profissional produz cinco e o outro dez vezes mais. Os dois ganham a mesma coisa pela CLT”, lembra o empresário que viu, há mais de 25 anos, a oportunidade de crescimento apostando na meritocracia, um termo na moda hoje no mundo empresarial.

“Um dos grandes saltos (há 25 anos) foi a onda da reengenharia, que os jovens de hoje não conhecem. Foi um grande ganho, um salto”, recorda. “Hoje pode ter um contrato diferenciado de trabalho. Você dá um ganho para quem trabalha e se esforça mais.”

Ao adotar este modelo de negócios – meritocracia e transformando funcionários em sócios e parceiros – a construtora dirigida por ele conseguiu reter bons profissionais. “Hoje somos parceiros de negócios. Temos os melhores profissionais, pois são Pessoas Jurídicas (PJs). Conto com os melhores profissionais de urbanismo, arquitetura e design renomados que eu não teria condições de pagar, como Benedito Abud”, completa Bandina.

Quer saber mais sobre a história de Paulo Bandina e suas dicas para sua empresa ter sucesso? Acesse o podcast na íntegra com a entrevista concedida a Eduardo Santana no portal eduardosantana.com.br

Texto: Marcelo Oliveira – Assessoria de Imprensa do BNI Planalto Paulista

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0 0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

Clássico de Hitchcock é opção na Netflix

Uma secretária foge com o dinheiro da imobiliária na qual trabalha. afetada por uma tempestade, acaba em um hotel decadente administrado por um homem atormentado. “Psicose” e a trilha sonora clássica estão disponíveis na Netflix. Outros filmes também chegam ao catálogo. Entre eles, “Hulk”, de 2003, “Ted” e “Um Crime para Dois”. Entre as séries, a grande novidade é a original “Control Z”.

O clássico lp Acabou o Chorare

Lançado  em 1972 esse lp propôs um interessante elo entre dois gêneros a princípios antagônicos o rock e o samba…são canções marcantes que colocaram o grupo Novos Baianos no  panteão da memória musical brasileira através do excelente projeto intitulado Acabou o Chorare.

Como cuidar da sua saúde mental em tempos de covid-19

Mais um boletim especial do Transformação Digital CBN em tempos de Covid-19. Como estar mentalmente saudável em tempos de isolamento social? Este é um dos temas deste episódio, que apresenta ainda a iniciativa de uma editora que resolveu contar histórias no instagram.

Comédia com veteranos é atração na Netflix

Morgan Freeman, Michael Caine e Alan Arkin. “Despedida em Grande Estilo” chega ao catálogo da Netflix e acompanha um trio de amigos que vê o dinheiro sumir de um fundo de pensão. Eles deixam a aposentadoria e arriscam tudo. O catálogo do serviço de streaming tem também a chegada da série “White Lines”.