Mercado Imobiliário de Campinas cresce 12,86% em um ano

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

O mercado imobiliário de Campinas vem dando sinais de que deixou para trás uma crise iniciada em 2014, que levou o setor à paralisação, com cortes de lançamentos e contratações. Segundo a pesquisa Indicadores de Registro Imobiliário, divulgada pela Associação dos Registradores de Imóveis de São Paulo (Arisp), em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe),  o mercado de compra e venda na cidade cresceu 12,86% de junho de 2018 a junho de 2019, a maior em todo o Estado de São Paulo. No mesmo período, a média estadual foi de 1,55%.

As informações que compõem este primeiro estudo foram levantadas junto aos cartórios, baseadas nos registros de transações imobiliárias de imóveis novos e usados. Foram usados dados de mais de 570 mil registros.

Para o conselheiro estadual do Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci-SP) e Vice-Presidente da Habicamp, Douglas Vargas, entrevistado desta semana no Panorama Empresarial do Programa Um a Um com Eduardo Santana, esta pesquisa vem corroborar os números positivos deste ano. Para ele, o desaquecimento nos últimos anos começa a ficar para trás com os últimos números positivos.

“A média estadual foi de 1,55, enquanto que na Capital foi de 2,33, contra um crescimento de 12,86% em Campinas. Está demonstrando o que estamos vendo, com vários lançamentos no mercado”, afirma.

Para ele, outros fatores contribuem para esta retomada, como a queda nas taxas de juros dos financiamentos, por exemplo. “É uma somatória de vários fatores que está culminando nisso”.

Vargas lembra, ainda, que a cadeia da construção civil é o motor da economia, puxando vários indicadores, tanto para cima como para baixo. “Se ela desacelara, o mercado desacelera e, consequentemente, vem o desemprego e causa o caos em quase entramos, mas estamos saindo”

Sobre a redução na taxa de juros dos financiamentos, que vem sendo deflagrada em cadeia pelas instituições bancárias, Vargas vê com “excelente”. Segundo ele, isso permite tanto ao empresário como para a pessoa interessada em adquirir um imóvel se planejar, além de uma maior oferta de crédito para financiamento.

Texto: Marcelo Oliveira – Assessoria de Imprensa do BNI Planalto Paulista

Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
DESCARTADOS
0
INVESTIGADOS
0
CONFIRMADOS
0
MORTES
Play Video

Ao vivo

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também

A reinvenção de João Donato

Nascido em 1934 em Rio Branco no Acre João Donato de Oliveira Neto é hoje um nome muito requisitado em estúdio além de apresentações ao vivo. Muito diferente do João Donato de 50 anos atrás que  teve um inicio de carreira produtivo mas que aos  poucos foi sendo colocado de lado em função do exagero nas improvisações.

Diretor geral do LinkedIn fala com a CBN Campinas sobre pesquisa

O Transformação Digital CBN está com um novo formato! E para essa estreia especial, convidamos o diretor geral do LinkedIn para América Latina, Milton Beck, para repercutir a pesquisa 2020 realizada pela plataforma sobre impactos do home office em tempos de covid-19.

Filmes estrelados esquentam streaming no fim de junho

“Mulher-Maravilha”, com Gal Gadot, “A Torre Negra”, protagonizado por Idris Elba e Matthew McConaughey, e “Branca de Neve e o Caçador”, com Kristen Stewart, Charlize Theron e Chris Hemsworth, se somam ao clássico “Perfume de Mulher”, com Al Pacino, no catálogo da Netflix. Na Amazon Prime, também há novidades para os assinantes.

Verdades e mentiras sobre o coronavírus e a covid-19

Todos os dias recebemos inúmeras correntes no Whatsapp, e-mails e lemos textos nas mídias sociais sobre curas milagrosas e diagnósticos duvidosos sobre este novo vírus. Mas como saber o que é fato e o que é informação falsa. Confira a parte 2 do podcast.