O primeiro lp dos Rolling Stones

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

No meio musical, a longevidade de qualquer grupo deve ser comemorada, afinal, não é fácil ficar muito tempo junto. E mesmo tendo passado por várias brigas internas, os integrantes dos Stones perceberam que era mais importante aproveitar o sucesso construído  ao longo da carreira. A partir do final do século passado, turnês mundiais e shows gigantes foram sendo realizados até que a marca de 50 anos fosse atingida. Entre os milhões de fãs que assistiram a essas apresentações, estão também curiosos que queriam ver, ao vivo, verdadeiros dinossauros do rock.

E entre tanta gente, poucos saberiam cantar ou dizer o nome de alguma música do disco de estreia.  Foi no dia 16 de abril de 1964 que chegou as lojas do Reino Unido o primeiro Lp do Rolling Stones. Gravado em pouquíssimos dias nos meses de janeiro e fevereiro num estúdio com recursos limitados, ele é quase que inteiro feito de releituras do rhythm & blues americano.  Entre as doze faixas, nove são versões. Artistas como Chuck Berry, Bo Diddley e Muddy Waters estão na lista das regravações, pois faziam parte do repertório da banda desde o primeiro show oficial em julho de 1962.

Com 2  músicas creditadas a um pseudônimo que indica o conjunto como autor, a dupla Mick Jagger e Keith Richards, só contribuiu com uma composição, mas de valor histórico indiscutível, afinal, Tell me you’re coming back é a primeira de uma parceria responsável pelos grandes sucessos que ainda viriam.

Na capa do 1ª disco do Rolling Stones nem o nome da banda está escrito, apenas o logo da gravadora Decca. A foto mostra os jovens Mick Jagger, Keith Richards, Charlie Watts, Brian Jones e Bill Wyman, todos de roupa social. A imagem não lembra em nada e fama de bad boys que só surgiria  anos mais tarde.  A estreia não poderia ter sido melhor, pois o lp chegou ao primeiro lugar no Reino Unido.

Nos Estados Unidos,  terra  natal  da  maioria   das composições, o disco teve alterações de uma música, estampou o nome da banda, ganhou título e alcançou o décimo primeiro lugar na Billbord, o que foi motivo de comemoração e abriu as portas para os futuros  projetos

 

Acompanhe esta edição do Música é Cultura

 

Entre em contato:

musicaecultura@cbncampinas.com.br

 

Apresentação

Robson Santos

 

Produção

Walmir Bortoletto
edição
Paulo Girardi
Compartilhe!
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

COVID-19

Casos de coronavírus em Campinas
0
CURADOS
0
CONFIRMADOS
0
INVESTIGADOS
0
MORTES

Mais recentes

Colunas

Fale com a gente!

WhatsApp CBN

Participe enviando sua mensagem para a CBN Campinas

Siga-nos

Veja também